quarta-feira, 19 de junho de 2024

Quase 500 pessoas são presas em operação da Polícia Civil na Bahia


Quase 500 pessoas foram presas nesta terça-feira (18), durante a 13ª Fase da Operação Unum Corpus, e um homem morreu após confronto com a polícia. As 497 prisões foram cumpridas em Salvador, na Região Metropolitana e em municípios do interior da Bahia, que não foram especificados.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, entre os detidos estão:

142 pessoas suspeitas de crimes contra a vida;

121 pessoas suspeitas de tráfico de drogas;

79 pessoas suspeitas de crimes contra o patrimônio;

57 pessoas suspeitas de estupro;

47 pessoas suspeitas de violência doméstica.

Do total de presos, 92 foram autuados em flagrante. Outros 19 adolescentes foram apreendidos. Ainda segundo a SSP, o homem que morreu no confronto gerenciava um laboratório de drogas em um bairro de Salvador.

Confronto armado em Banco do Pedro resulta em prisões e apreensões


Na tarde de terça-feira (18), a guarnição do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) 70, após receber informações da Central Integrada de Comunicações (CICOM), deslocou-se até o distrito de Banco do Pedro, onde se deparou com um grupo de indivíduos armados. Os suspeitos, ao avistarem a presença policial, abriram fogo contra a viatura, que reagiu prontamente.

Após o confronto, três suspeitos foram encontrados caídos no solo, ainda portando suas armas. Eles foram encaminhados ao Hospital Regional para atendimento médico, mas não resistiram aos ferimentos. Durante a operação, a polícia apreendeu duas pistolas, um revólver, 135 munições, uma placa de colete e dois rádios comunicadores.

A ação rápida e eficaz da guarnição resultou na prisão dos suspeitos e na retirada de armas e munições ilegais das ruas, contribuindo para a segurança da comunidade local. As investigações continuam para esclarecer os motivos do confronto e identificar possíveis conexões criminosas.

terça-feira, 18 de junho de 2024

Deputados baianos trocam agressões em confusão generalizada dentro da ALBA


Deputados bolsonaristas e petistas da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) trocaram agressões no Plenário da Casa, na tarde desta terça-feira (18). Tudo começou diante dos discursos da bancada de Jerônimo Rodrigues (PT) contra a PL do aborto, que tramita no Congresso Nacional. 

Os bolsonaristas Diego Castro (PL) e Leandro de Jesus (PL) bateram-boca com os parlamentares governistas, que revidaram. Em um dos momentos, Diego foi empurrado pelo deputado Marcelino Galo (PT). A segurança foi chamada e a sessão foi suspensa.

Novo Atlas da Violência aponta a Bahia com sete dos dez municípios mais violentos do país


O Atlas da Violência 2024, divulgado nesta terça-feira (18), aponta que dos 10 municípios brasileiros com as maiores taxas de homicídios por 100 mil habitantes em 2022, as cinco primeiras estão na Bahia [sete das dez também ficam no estado]. O ranking é liderado por Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, com taxa de homicídios de 94,1 por 100 mil habitantes.

Depois, vem Jequié com taxa de 91,9. A cidade era a primeira no ranking do ano passado. Em terceiro vem Simões Filho com 81,2; Camaçari com 76,6 e Juazeiro com 72,3. A capital baiana, Salvador, está na nona posição com taxa de 66,4 [a maior entre as capitais], e Feira de Santana é a décima mais violenta com 66 homicídios por 100 mil habitantes.

Dos 20 municípios mais violentos, 11 estão também no estado. Isso porque Eunápolis é a 14ª com taxa de 59,8, Ilhéus é a 15ª com 59,3; Luís Eduardo Magalhães é a 16ª com 58,4 e Teixeira de Freitas é a 19ª com 57,8.

Os dados são referentes a 2022 e foram divulgados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).


BAHIA

Segundo o levantamento, em 2022, a Bahia teve a maior taxa de homicídios por 100 mil habitantes (45,1) do país, seguida de Amazonas (42,5) e Amapá (40,5). As três menores taxas em 2022 vieram de São Paulo (6,8), Santa Catarina (9,1) e Distrito Federal (40,5). *Com informações do Bahia Notícias

Sesab confirma primeira morte por frebre Oropouche na Bahia; paciente tinha 24 anos


A Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) confirmou a primeira morte por Febre Oropouche no estado nesta segunda-feira (17). A paciente era uma mulher de 24 anos, moradora de Valença. A morte da jovem aconteceu em março deste ano, mas só foi divulgada nesta segunda, porque diversos exames precisaram ser feitos para que a causa do óbito fosse confirmada. Mais detalhes sobre o quadro de saúde da paciente não foram detalhadas.

Uma segunda morte por Oropouche está em investigação. O paciente tem 21 anos e o caso foi registrado em Camamu, cidade a 72 km de Valença. “São dois casos de pessoas jovens, saudáveis, sem comorbidades. Isso foi o que nos chamou ainda mais atenção”, afirmou o infectologista Antônio Bandeira.

Ainda segundo o infectologista, até o momento não havia nenhum relato de morte por oropouche na literatura. Os primeiros casos da doença na Bahia foram registrados neste ano. De acordo com a Sesab, desde março já foram confirmados 691, em 48 cidades. As primeiras ocorrências foram em Laje e Valença, cidade onde o primeiro óbito foi registrado. *Com informações do G1

VÍDEO: Vice-prefeito de Catende (PE) é flagrado dando tiros dentro de casa


Um vídeo que tem circulado nas redes sociais mostra o vice-prefeito de Catende, município localizado na Mata Sul de Pernambuco, Antônio do Egito (PSDB), disparando uma arma de fogo contra a parede da própria casa. De acordo com o Diário de Pernambuco, a Polícia Civil do Estado confirmou, em nota, que está investigando a ocorrência de disparos e porte ilegal de arma de fogo através da 74ª Delegacia de Catende, e mais informações serão repassadas após conclusão do caso.

A gravação foi feita pelo próprio vice-prefeito. Nas imagens, Antônio do Egito assiste a um show da banda Calcinha Preta na televisão enquanto efetua seis disparos intercalados com falas e provocações para a câmera. “Estou em casa, pode ou não? Mais ou está bom? Estou feliz, estou na minha casa. Quem manda sou eu, minha mulher e meus filhos. Bora ou vamos?”, diz o vice-prefeito no vídeo.

Em nota, a prefeita de Catende, Dona Graça Maria, lamentou o ocorrido, e repudiou a atitude do vice-gestor. “Enquanto cristã, adianto que não vim para esse mundo para julgar quem quer que seja por suas atitudes ou ações, porém, enquanto gestora de Catende, não posso compactuar com qualquer ação dessa natureza”, pontuou a prefeita.

Mil policiais civis participam de operação na Bahia


Mais de mil policiais civis participam da 13ª fase da Operação Unum Corpus, na manhã desta terça-feira (18), em toda a Bahia. Segundo a polícia, os principais alvos são integrantes de grupos criminosos envolvidos com o tráfico de drogas e homicídios. Nesta fase, 130 pessoas já foram presas, pois parte dos mandados foram cumpridos na última semana. 

A 13ª fase da Unum Corpus também cumpre medidas judiciais contra internos de unidades do sistema prisional, os quais são acusados de influenciar ações criminosas nas ruas. Em 12 fases, a Operação Unum Corpus já prendeu 2.004 pessoas, apreendeu 350 armas de fogo e cumpriu 1.952 mandados de busca e apreensão.

segunda-feira, 17 de junho de 2024

Opinião: Eleições de outubro são pedágio para 2026, por isso PSD, Avante e PP se mantém relevantes na Bahia

A Bahia tem 417 municípios e o nível de organização dos partidos políticos é tão impressionante que parte deles não sabia o número de prefeituras sob o comando de filiados. O levantamento realizado pela equipe de política do Bahia Notícias atualizou a situação das legendas e ainda permitiu uma análise de como cada sigla chega para disputar a eleição em outubro, mostrando forças já conhecidas e retrações significativas.


O PSD continua como a maior força eleitoral do interior da Bahia. Apesar de não estar tão representada nas maiores cidades, o partido comandado pelo senador Otto Alencar detém o controle de 30% das prefeituras baianas. Por isso houve tanto receio, ainda em 2022, de um eventual rompimento - tanto que houve uma escolha por parte do então governador da Bahia, Rui Costa (PT), quando provocou a tensão que culminou com a saída do PP da base aliada. Otto e o PSD são poderosos demais para se ter como adversários, razão pela qual os olhos sobre a sigla ficarão alerta para como os social-democratas devem emergir das urnas. Afinal, 2024 é o pedágio para o próximo pleito estadual.


O PP deixou de ser uma segunda força. Perdeu o posto para o Avante, especialmente após a migração de Ronaldo Carletto entre as siglas. Parte disso é explicada pela mudança brusca de direção há dois anos, quando os progressistas se tornaram oposição. O Avante tem todas as condições de ocupar a vaga do tão falado “tripé” que, por oito anos, deu sustentação a Rui. Vai depender do próprio desempenho, já que o governador Jerônimo Rodrigues (PT) deu total aval para que Carletto e cia fizessem o movimento de atração de tantos prefeitos.

Entre os partidos que gravitam em torno do governo baiano, o PT, que ocupa o Palácio de Ondina há 18 anos, é a última perna entre as grandes legendas em número de prefeitos. Está longe de ter a pujança da última década, mas pode sair revigorado das urnas, especialmente com o argumento dos benefícios de uma eleição casada com o governo federal e estadual - simplório, mas que tem efeito eleitoral. A ideia do “time de Lula” é a grande aposta, tanto que os petistas abriram mão em Salvador, enquanto investem pesado nessa estratégia em outros municípios, como Feira de Santana e Vitória da Conquista, para focar nos maiores.

Outrora poderoso, o PP ainda controla um número expressivo de prefeituras. É o maior entre aqueles da oposição formal e o próprio jogo dúbio dos representantes do partido gera uma instabilidade que o impede de ser o “maioral” entre os adversários do PT. Tanto que, apesar de controlar muito mais prefeituras, dificilmente os progressistas são considerados efetivamente opositores e têm voz ativa para criticar o governo. É comum, inclusive, ouvir filiados à legenda tecendo elogios rasgados a Jerônimo, Rui, etc. Tal qual o PSD, todavia, a sigla controla pequenos municípios e é relevante para quem tem interesse em circular pelo interior da Bahia. Tal qual os social-democratas e o Avante, pode sair das urnas como um coadjuvante de luxo para 2026.

A lógica do governismo é o que faz a oposição ser tão diminuta na Bahia. O partido que melhor cristaliza o papel de adversário do PT, o União Brasil, controla pouco mais de 7% dos municípios baianos - apesar de comandar as maiores populações. É muito pouco e explicita como o sistema partidário e a própria democracia brasileira não vive lá seus melhores momentos. Lembremo-nos que ACM Neto (União) e Jerônimo Rodrigues tiveram percentuais bem parecidos nas urnas e nem de longe o ex-prefeito de Salvador mantém ascendência sobre 50% das prefeituras.

Lula se reúne com ministros de conselho orçamentário em meio a pressão por revisão de gastos



A revisão de gastos públicos, em debate dentro da equipe econômica após a escalada da incerteza fiscal e a alta do dólar, deve ter o seu primeiro teste político nesta semana. Logo na segunda-feira de manhã, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se reunirá com os ministros que compõem a Junta de Execução Orçamentária (JEO), e a expectativa é de que o assunto esteja na mesa de discussão.

O colegiado é formado por Fernando Haddad (Fazenda), Simone Tebet (Planejamento), Esther Dweck (Gestão) e Rui Costa (Casa Civil). Antes de embarcar na semana passada para a Itália, onde participou da reunião do G7, o grupo dos países mais ricos do mundo, Lula solicitou a Costa que agendasse esse encontro do órgão orçamentário.

Durante a viagem, o petista admitiu, em uma mudança de tom, a possibilidade de rever despesas públicas desde que o ajuste não recaísse sobre os mais pobres. "Tudo aquilo que a gente detectar que é gasto desnecessário, não tem que fazer", disse o presidente.

Nas falas anteriores, que fizeram o dólar disparar ante o real, Lula havia insistido na fórmula de equilíbrio fiscal via aumento da arrecadação e queda da taxa básica de juros da economia, a Selic, atualmente em 10,5% ao ano.

A agenda arrecadatória, no entanto, dá claros sinais de esgotamento no Congresso após a devolução da medida provisória que limitava o uso de créditos de Pis/Cofins por parte de empresas e indústrias - a mais dura derrota de Haddad até agora.
Além disso, há dúvidas se o Banco Central seguirá reduzindo a Selic em meio ao aumento da perspectiva de inflação e à valorização do câmbio. A expectativa para a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do BC nesta semana, inclusive, é de manutenção da Selic.
A revisão de despesas, portanto, parece se impor, mas dependerá, primeiro, do aval de Lula e, depois, da disposição dos parlamentares, inclusive do PT, de aprová-la na Câmara e no Senado. Tanto o Executivo como o Legislativo estão de olho na eleição municipal e não devem abraçar medidas impopulares - pelo menos não até outubro.

Interlocutores do governo ouvidos pelo Estadão avaliam que serão eleições "muito difíceis" e que o caminho seria "fazer o possível agora", para dar algum tipo de sinalização aos agentes financeiros, e deixar o mais impopular para depois da disputa. O temor é de que a "culpa" por um eventual desempenho aquém do esperado no pleito local recaia sobre as decisões econômicas.

Nesse escopo do "possível", as fontes listam a possibilidade de um contingenciamento (bloqueio temporário) maior de gastos no próximo relatório bimestral de receitas e despesas, previsto para julho. O objetivo seria sinalizar comprometimento com o centro da meta fiscal de 2024, que prevê déficit zero.

Também estariam nessa lista a publicação do decreto de meta de inflação contínua ainda no mês de junho, como prometido por Haddad, e medidas de revisão e melhoria de políticas públicas que não envolvessem desvinculação de benefícios hoje atrelados ao salário mínimo nem mudanças nos pisos de educação e saúde.

Lula quer blindar pisos da educação e saúde

Durante coletiva de imprensa na Itália, Lula deixou claro que não quer mexer nesses pisos constitucionais, que são indexados ao desempenho da receita e, com isso, crescem acima do limite do arcabouço fiscal.

O temor dos economistas é que essas despesas acabem comprimindo os demais gastos, gerando um "apagão" da máquina pública nos próximos anos e inviabilizando o próprio arcabouço.

Como mostrou o Estadão, o time de Haddad chegou a cogitar a criação de um limite de crescimento real (acima da inflação) de 2,5% - o mesmo do arcabouço - para essas despesas. Mas o presidente, ao menos por enquanto, sinaliza que esse é um debate ao qual não está inclinado.

"Achar que nós temos que piorar a saúde e a educação para melhorar, isso é feito há 500 anos no Brasil. Há 500 anos o povo brasileiro não participava do Orçamento", disse Lula, em conversa com jornalistas no sábado, 15, ainda na Itália.

Ao jornal O Globo, a ministra Simone Tebet reforçou, na última quarta-feira, que todas as opções estão na mesa para serem discutidas com o presidente e a ala política do governo, a não ser a regra de valorização real do salário mínimo e a desvinculação da aposentadoria.

O foco, portanto, nesse seara de desvinculações, seria em benefícios como BPC (Benefício de Prestação Continuada), abono salarial, seguro-desemprego e auxílio-doença. Os pagamento temporários, indicou a ministra, encabeçam a lista de debates.

A Previdência dos militares também está na pauta de discussão, afirmou Tebet. Como mostrou o Estadão, o regime de aposentadorias e pensões das Forças Armadas foi alvo de relatório recente do Tribunal de Contas da União (TCU). O órgão destacou que o sistema arrecadou R$ 9,1 bilhões no ano passado, mas as despesas totalizaram R$ 58,8 bilhões, resultando em um déficit de R$ 49,7 bilhões.

Santa Luzia Recebe Novo Caminhão Basculante e Inicia Obras na Praça São Jorge

A Prefeitura Municipal de Santa Luzia recebeu nesta sexta-feira (14-06) um novo Caminhão Basculante, que será utilizado para melhorar os serviços de infraestrutura na cidade. A comunidade se reuniu para recepcionar a chegada do novo veículo, demonstrando apoio às melhorias planejadas.


Logo após a recepção, a população se dirigiu ao bairro São Jorge, onde foi realizada a Solenidade de Assinatura da Ordem de Serviço para o início das obras de reforma e urbanização da praça local.



A cerimônia contou com a presença de autoridades municipais, como o prefeito, vereadores e secretários, além de líderes comunitários e moradores.

O prefeito destacou a importância do novo caminhão basculante para a eficiência dos serviços de coleta de entulho, manutenção de vias e outros trabalhos de infraestrutura. Ele também ressaltou a importância da reforma da Praça do São Jorge, que proporcionará à comunidade um espaço mais acolhedor e funcional.




A Prefeitura reafirma seu compromisso com o desenvolvimento urbano e a promoção de espaços públicos de qualidade, buscando sempre atender às necessidades e anseios da população de Santa Luzia.



Casal morre após carro bater de frente com caminhão em rodovia na BA; veículo ficou destruído


Um casal morreu após o carro em que estava bater de frente com um caminhão. O acidente ocorreu na ultiúltima sexta-feira (14), na BA-026, entre Sussuarana, distrito de Ituaçu, e Contendas do Sincorá, no sudoeste da Bahia.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o motorista do carro perdeu o controle da direção, invadiu a pista contrária e atingiu o caminhão.

Com o impacto da colisão, o carro ficou totalmente destruído. As vítimas morreram no local da batida. Elas foram identificadas como Jorge Luiz Lisboa Trindade, de 41 anos, e Adriana de Jesus Santos, 39 anos. Ambos eram de Tanhaçu, que também fica na região sudoeste. O casal deixou dois filhos.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado para realizar perícia e remoção dos corpos, que vão passar por necropsia no Instituto Médico Legal (IML) de Brumado, na mesma região.

O motorista do caminhão teve ferimentos leves e foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Municipal de Tanhaçu. Ele não teve nome divulgado.

Sorte em dobro na Bahia: Moradores de Gongogi e Irecê faturam prêmios em loterias


Em uma reviravolta surpreendente de eventos, a sorte sorriu para o sul da Bahia na noite desta quinta-feira (13). Um morador do município de Gongogi acertou em cheio os 15 números do concurso 3128 da Lotofácil, garantindo metade do prêmio de R$ 1,5 milhão. O outro vencedor, da cidade de Itabiara (MG), dividirá a quantia, deixando ambos com uma fortuna de R$ 757.134,95 cada.

As dezenas da sorte que transformaram a vida dos apostadores foram: 01, 02, 05, 08, 09, 10, 11, 13, 14, 16, 17, 18, 20, 21, 24.

Não muito longe dali, outro baiano, residente de Irecê, esteve a um passo de se tornar milionário. Acertando cinco dos seis números da Mega-Sena, o apostador levou para casa R$ 39.700,69. As dezenas sorteadas que quase mudaram seu destino foram: 11, 17, 24, 26, 35, 43. No total, 69 pessoas acertaram a quina em todo o país, enquanto a quadra teve 4.581 ganhadores, incluindo moradores de Iguaí, Ilhéus, Ipiaú, Itabuna, Itagibá e Itapitanga.

Enquanto isso, o prêmio principal da Mega-Sena continua a crescer, acumulando mais R$ 40 milhões, elevando o total para impressionantes R$ 47 milhões. Os olhos de todos os apostadores estarão voltados para o próximo sorteio, que ocorrerá no sábado (15). Com um investimento modesto de R$ 5,00 por jogo simples, a esperança de se tornar o próximo milionário permanece viva em corações por todo o país.

Criança de 04 anos morre vítima de dengue em Feira de Santana


Uma criança, de quatro anos, morreu vítima de dengue grave em Feira de Santana. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (13) pela secretaria municipal de Saúde. Segundo a pasta, a criança morava no bairro Tomba, segunda localidade com maior número de casos da virose, e morreu no dia 1° de maio. Até o dia 9 de junho, a Bahia registrava 85 óbitos por dengue, conforme a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

O caso foi confirmado após a análise das amostras que a Vigilância Epidemiológica encaminhou ao Laboratório Central de Saúde Pública do Estado (Lacen). Ainda segundo a secretaria, a vítima foi atendida em um hospital da rede privada e durante o período da infecção apresentou febre, dor de cabeça, vômito e manchas vermelhas pelo corpo.

Foram também identificadas hemorragias nas vias respiratórias e teste que detectou H1N1. De janeiro até a última quarta-feira (12), a Vigilância Epidemiológica do município confirmou 4.532 casos de dengue em Feira de Santana. Do total, 684 manifestaram sinais de alarme ou graves.

Os locais com maior número de notificações da dengue são o distrito de Humildes (659) e os bairros do Tomba (480) e Mangabeira (477). A Vigilância Epidemiológica orienta que desde o início dos sintomas de dengue, o paciente deve iniciar hidratação via oral, que pode ser feita com água, além de procurar uma unidade de saúde.

quinta-feira, 13 de junho de 2024

Santa Luzia: Prefeitura realizará Solenidade de Assinatura da Ordem de Serviço para o início das obras de reforma e urbanização da praça do São Jorge

A Gestão Municipal de Santa Luzia convida você e sua família para participar da recepção do novo Caminhão Basculante, nesta sexta-feira, 14 de junho, a partir das 15h. A concentração será no Portal da Cidade, com destino à Praça do Bairro São Jorge, onde ocorrerá a Solenidade de Assinatura da Ordem de Serviço para o início das obras de reforma e urbanização da praça.🧡



📅 Data: 14/06/2024  

⏰ Horário:15 horas  

📍Concentração: Portal da Cidade  

📍Solenidade: Praça do São Jorge

Eletricista morre eletrocutado em poste na cidade de Aurelino Leal


Um eletricista identificado como Antônio Jorge dos Santos Silva, mais conhecido como Balu, de 67 anos, morreu após ser eletrocutado em um poste de energia elétrica. O caso aconteceu na tarde de terça-feira, 11, no Bairro Humberto Barbosa, em Aurelino Leal. De acordo com o site  Ubaitaba Urgente, Balu era uma figura muito conhecida e respeitada na cidade.

Ainda de acordo com o portal de notícias, durante a execução do trabalho, ele sofreu uma descarga elétrica fatal. Imediatamente, prepostos da Coelba foram acionados para desligar a rede de energia e retirar o corpo do eletricista do poste.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) também foi chamado ao local para prestar socorro. Apesar dos esforços da equipe médica, infelizmente, não foi possível reanimar o eletricista, que já estava sem vida quando os socorristas chegaram.